Faz mal treinar em jejum?

Em pleno século XXI, o culto ao corpo nunca foi tão forte. Estamos no auge dos corpos sarados, corpos saudáveis e malhados.

A academia e as dietas viraram uma verdadeira lei, pessoas ao redor do mundo estão cada vez mais adeptas de dietas.

Muitas pessoas estão procurando condições de serem mais saudáveis, perderem a gordura localizada e até mesmo alcançar um corpo de bodybuilder.

Outras, com problemas para emagrecer e com problemas de saúde, já tentaram milhões de tratamentos, milhares de dietas e até diversos tipos de exercícios físicos. Muitas vezes sem sucesso.

O fato é que nem todos estão aptos a praticar determinados tipos de exercícios ou dietas. Com isso, o Jejum voltou a ser moda.

O Jejum é pratica há mais de 2 mil anos, já foi citado na bíblia diversas vezes e hoje continua fazendo escola. Não mais como ferramenta de iluminação, mas como meio de conseguir o corpo saudável.

Diante do Jejum, foi inventado uma nova técnica para usar os benefícios do jejum, foi inventado o Jejum Intermitente. Mas afinal, o que faz mal, e o que faz bem no jejum? Faz mal treinar em jejum? Faz mal ficar se privando de comer?

Tire suas dúvidas neste artigo!

Os benefícios do Jejum

Muitas pessoas vêm indicando o Jejum como meio de recuperar a saúde. Antigamente o jejum era indicado apenas para a realização de exames, ou para pagar uma promessa, limpar-se espiritualmente, hoje o Jejum é utilizado por muitos.

Um dos benefícios do Jejum é diminuir a diabetes. Com o Jejum, o consumo de carboidratos e açúcares fica bem baixo, com isso, a glicemia acaba diminuindo.

Outro benefício é que controla o colesterol, ou seja, sem muita ingestão de gorduras, o colesterol fica realmente em dia.

Também podemos citar o benefício do emagrecimento. Sem fonte de energia, o Jejum induz o corpo a queimar as gorduras localizadas.

Os malefícios do Jejum

Não há muitos malefícios registrados para o Jejum. Talvez o maior malefício é que ele pode fazer mal para pessoas com problemas de fraqueza. Ou seja, antes de iniciar o Jejum intermitente, você deverá procurar seu médico para saber se pode ou não fazer.

O Jejum intermitente é totalmente sem alimentos. Ou seja, não é aquele tipo de Jejum de pão e água. Algumas pessoas não conseguem ficar sem comer.

O que é o Jejum Intermitente

O jejum intermitente é uma dieta restritiva onde você fica pelo menos 8 horas sem ingerir alimento algum. Somente à base de água.

Existem diversas variações de Jejum intermitente. Jejum de 12 horas, 24 horas, de dias alternados, de dias contínuos.

Vai do limite de cada corpo.

Jejum Intermitente passo a passo

Aqui vou recomendar o Jejum intercalado, ou seja, dia sim, dia não. Que é o recomendado para iniciantes.

Jejum intermitente passo-a-passo (12h-dias alternados):

Você fará sua última refeição em determinado horário, por exemplo, às 20h de uma terça-feira, depois na quarta-feira você só irá comer depois das 8h.

Depois você irá se alimentar normalmente até umas 20h desta quarta-feira, como no exemplo, e repetirá tudo no dia seguinte.

E assim por diante até você sentir que consegue ficar em Jejum e que está tendo resultados. Vale lembrar que sem exercícios, o Jejum Intermitente não funciona. Também é importante dizer que nunca faça todos os dias, ou o metabolismo irá reduzir e o corpo queimará menos calorias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *